Etiquetas

, , , , , ,

Stieg Larsson pelo que consegui pesquisar era um  jornalista político sueco que faleceu de ataque cardíaco logo após entregar aos editores a trilogia Milennium, composta pelos livros: Os homens que não amavam as mulheres , A menina que brincava com fogo e A rainha do castelo de ar . Os três ganharam uma versão mais barata e custam pouco mais de 20 reais.

Vou me ater ao primeiro volume da série, lido em cerca de uma semana. Não tem como fugir do clichê para descrevê-lo: É impossível abandonar a leitura depois de iniciada. A história é simples: Jornalista econômico político perde uma briga judicial e acaba contratado por um Barão das industrias para escrever a biografia da família, trabalho esse apenas uma fachada para o real serviço: A investigação do assassinato da sobrinha do industrial 40 anos antes.

Porem a trama se mostra complexa, Larsson é meticuloso nas descrições, são infindáveis histórias paralelas onde cada personagem é apresentado em detalhes, tornando o romance um livro denso de ser lido, nada difícil, a linguagem é ágil e simples mas em tempos de 140 caracteres é um exercício muito bem vindo de leitura.

É também necessário um pouco de estomago, cenas de perversão fortes permeiam a historia: do sadismo a incestos forçados. Mas são necessários para a construção das características psicológicas das personagens, assim como exposição de uma sociedade ainda hoje cruel e machista.

Alem da leitura vale a compra de ingresso, o filme é também sueco e falado na língua oficial. É tão bom quanto o livro apesar da obvia falta de detalhes, afinal um filme nunca conseguira abordar todos os aspectos dos escritos.

Ótimos atores, cenas bem filmadas, cai em alguns clichês Hollywoodianos como na repetição dos momentos chaves que aos atentos causa certo tédio mas são necessários aos menos espertos. Hollywood por sinal já prepara uma versão que não deve chegar nem aos pés deste, lembremos que os EUA são pudicos e hipócritas e não devem filmar as sequências mais significativas e violentas. 

Dá uma olhada no trailer e veja o que acha!