Estou fazendo TCC, e eis que cerca de uns 2 meses atrás mandei um e-mail pro cliente as 3 horas da manhã, depois de um dia lotado de trabalho, reuniões e etc, e uma das perguntas foi “Ha quanto tempo…”

O problema é que o Ha foi sem h. Ok um leve assassinato da língua portuguesa, confesso. Mas ok, pelo blog e minhas redes sociais já dá pra perceber que acentuação e gramática como um todo não é minha preocupação, não pelo menos o quanto deveria ser.

Eis que o cliente hoje twittou: “Chocado com universitarios q escrevem proxima com ss e há 1 ano sem h. Do q vale sairmos da pobreza se continuamos um povo ignorante ?”

Opa, pera lá, desatentos, omissos com a gramática rígida e os padrões da norma culta sim, agora ignorantes já é de mais.

Acho que a língua deve ser valorizada e respeitada, mas mil perdões caro cliente, o senhor não me conhece nem um pouco para me julgar ignorante por um lapso lingüístico E só para constar “universitário” é paroxítona, portanto leva acento agudo na penúltima silaba e “próxima” é proparoxítona e leva acento agudo na antipenúltima silaba.

#Ficadica

Anúncios