Etiquetas

, , , , , , , , , , , ,

Tenho por uma questão de criação o hábito de respeitar regras, em geral não concordo mas as sigo pois o anarquismo tampouco me agrada.

Porém acho que o caminho para uma sociedade minimamente evoluída é o entendimento de que as regras são processos humanos composta de indivíduos e situações, e por isso a máxima “para toda regra existe uma exceção” para mim é super válida.

Ontem a noite me encontrei com amigos no Puma Social Club direto do trabalho, de lá caminhamos para o outro lado da Augusta onde seguimos tomando uma cervejinha pela região do Baixo e meus planos era parar por ai mas um amigo que passava por alguns problemas pessoais me convenceu a ir para o Lions, uma casa que eu particularmente não gosto pelo público, som e atendimento mas os amigos adoram.

Chegando lá tudo certo, vip na mão por conta dos contatos amigos e eis que o segurança me barra porque eu estava de shorts!!!

Bom, para começar a temperatura em São Paulo estava entre 25 e 30 graus no mínimo. Eu estava com um look que tenho usado bastante composto de camisa + shorts + mocassin, e que vou inclusive para o trabalho. Nesse dia em especial estava até que comportado, estando o shorts a baixo do joelho e não acima como costumam ser os meus. Combinando jeans com jeans errematei com o sapato esporte fino , e não era como se eu estivesse de bermuda de praia, havaianas e regata.

Respeito muito o Facundo Guerra, um dos sócios da casa e estive na abertura do Z, do Volt, do recente Cine Jóia e fui frequentador assíduo do Vegas por anos assim como do Lions pelos amigos e acho admirável a forma com que ele faz da noite um negocio de sucesso. Mas sinto que falta em todos os seus espaços um treinamento com equipe e bom senso dos funcionários.

Entendo que a casa conta com um dress code (mesmo que não vendo sentido) e em geral a respeito, porém com disse não me programei para uma ida, e sendo bem sincero é bem capaz de que se tivesse me programado teria ido com um shorts menor ainda pois não coloco uma calça a semanas e nem me lembrava que o Lions tinha essa obrigatoriedade.

Acabei voltando para casa pensando nesse post, e queria deixar bem claro que isso não é uma big reclamação ou um xigar muito no twitter e sim um apelo a todos para que tenham bom senso, não só na boate e sim na vida. Ponderar o que faz sentido e o que não faz e assim ter um vida mais livre e justa. É, é isso que falta!

Anúncios