Etiquetas

, , , , , , , , , , , , , , , , ,

Não sou muito de praia, nem de calor, nem de mal atendimento, e se tivermos que descrever o Rio de Janeiro acredito que essas características não passam batido. Mas algo me faz amar genuinamente o Rio, acho que foi lá que eu passei a acreditar em energia, e que energia!

Nas muitas idas a terras cariocas desbravei alguns lugares e agora com a chegada do carnaval resolvi montar mini guias da cidade começando pelo Centro pra quem quer fugir dos blocos pelo menos um dia.

Para chegar é fácil: de metrô basta descer na estação Cinelândia ou estação Carioca. Ônibus de todas as partes da cidade também vão até a Lapa então basta perguntar. De taxi, a não ser que você esteja na Barra, Jacarepaguá ou algum ponto mais distante dificilmente irá pagar em uma corrida mais de 30 reais para chegar até a região central.

Recomendo que chegue cedo, logo após o almoço e vá direto ao MAM RJ – Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. (é uma caminhada de uns 15min da estação Cinelândia mas é bom pra ir conhecendo) Em geral a entrada é paga mas não custa mais de 15 reais. Além do bom acervo permanente o espaço conta com exposições temporárias, da ultima vez vi Giacometti (pela 4ª vez diga-se de passagem, acho que me persegue). Já por agora entre outras atividades, estão expostos alguns fantásticos trabalhos da Adriana Varejão.

MAM:  Av. Infante Dom Henrique 85 | (21) 2240 4944 | Ter a sex 12h as 18h | Sab, dom e feriados 12h as 19h

Acervo permannte. MAM: Av. Infante Dom Henrique 85 | (21) 2240 4944

Antes de ir ou retornar para a Av Rio Branco que concentra o resto da programação vale uma passada na Marina da Glória, logo atrás do museu. A vista é linda então dedique pelo menos 15 minutos olhando a banda passar.

Marina da Glória

Marina da Glória

De volta ao centro próximo a estação Cinelândia dois dos prédios mais lindos do Rio: o Teatro Municipal do Rio de Janeiro (Praça Floriano, s/nº, (21) 2332-9191) aberto a visitação e com programação expressiva, no natal inclusive tem apresentações do Quebra Nozes a preços módicos e a Biblioteca Nacional, também aberta a visitas mas um tanto quanto mal cuidada, vale pela imponência tanto interna quanto externa.

Av. Rio Branco, 219 - (21) 3095-3879

Av. Rio Branco, 219 – (21) 3095-3879

Coisa de uma ou duas quadras dali, um dos espaços preferidos da cidade: a unidade Almirante Barroso da Caixa Cultural, são 3 galerias, cinema, teatro de arena e uma livraria. Tudo bem cuidado e com curadoria impecável.  Na última visita tive a sorte de pegar o finalzinho do Liniersvale a visita mesmo sem saber a programação porque é  sempre garantia de ver coisa boa.

Unidade Almirante Barroso da Caixa Cultura: Avenida Almirante Barroso, nº 25

Liniers na Unidade Almirante Barroso da Caixa Cultura: Avenida Almirante Barroso, nº 25

A Caixa conta ainda com uma unidade próxima aos arcos da Lapa mas nunca fui, acredito que valha também a visita, agora inclusive está lá em cartaz a exposição Hildebrando de Castro – Ilusões do Real fica na Av. República do Chile, 230 |
(21) 2262-8152

Cansou? Nenhum lugar é melhor para parar, olhar todas as fotos, folders e tomar uma belo chopp ou café do que a Confeitaria Colomboclássico supremo do Rio vale tanto pelos salgados quanto pelos doces: experimente as porções de mini salgadinhos para não perder nada.

Confeitaria Colombo: R. Gonçalves Dias, nº 32

Confeitaria Colombo: R. Gonçalves Dias, nº 32

Finalizando o passeio diurno após o stop culinário passe pela igreja Nossa Senhora da Candelária. Uma das mais lindas e imponentes obras do Centro e acabe no CCBB RJ

Igreja Nossa Senhora do Carmo (antiga Sé) R. do Carmo, nº 46

Igreja Nossa Senhora da Candelária R. Candelária, nº 81

O CCBBRJ assim como as unidades de São Paulo e Brasilia é sempre boa pedida, por lá consegui ver tanto a linda exposição do Gormley como a dos Impressionistas geralmente com entrada franca. O espaço conta ainda com teatro e uma Biblioteca de tirar o folego.

Gormley no Centro Cultural Banco do Brasil, CCBB - Rua Primeiro de Março,nº 66, (21) 3808-2030

Gormley no Centro Cultural Banco do Brasil, CCBB – Rua Primeiro de Março,nº 66, (21) 3808-2030

Fique atento aos horários de funcionamento, em geral das 10h as 18h de terça a domingo.

Logo mais posto sobre a programação noturna do centro que é de dar invejo a qualquer Rua Augusta.